segunda-feira, 29 de agosto de 2011

PRUDÊNCIA CRISTÃ


Portanto, o que for prudente guardará, então, silêncio, porque é tempo mau. Amós 5:13.

A cautela deve ser exercida devotamente por todos os que crêem na verdade. Há cenas probantes diante de nós, e precisamos ter grande cautela, guardando a porta de nossos lábios enquanto os ímpios estão à nossa frente. Teremos de deparar em nossa experiência com homens possuidores de zelo fanático que provocará os que odeiam a verdade, e será necessário preservar uma atitude tranqüila e não declarar tudo o que sabemos, pois serão causadas impressões sobre mentes humanas que, sob a influência de Satanás, assumirão grandes proporções.
Há necessidade de vigiar em oração. Os males que enfrentaremos há muito tempo têm estado ajuntar-se, e, como uma tormenta, desabarão sobre muitos quando menos o esperam. Conquanto não possam ser acusados de originar o mal, eles o precipitaram. Serão feitas acusações que os crentes não poderão refutar, porque não manifestaram sabedoria no uso da pena ou da voz.
Serão promulgadas muitas leis para o governo das nações, com vistas a oprimir; e serão ressuscitadas velhas leis que praticamente se tornaram sem efeito. Precisamos avançar em nossa obra com entendimento e com fé, sob o sábio comando de Jesus Cristo. Deve ser efetuada uma grande obra para o Mestre na proclamação da última mensagem de misericórdia ao nosso mundo, e dependemos de autoridades e poderes para encontrar passagem de um extremo do mundo para o outro, e enquanto dependermos dos poderes existentes, não devemos divorciar-nos deles, pois esta é uma mensagem mundial.
Devemos avançar silenciosamente, e quando nosso caminho aparentemente estiver bloqueado numa direção, não devemos condenar os poderes existentes, pois procedendo assim estaremos ensinando a outros poderes como agir para obstruir o nosso caminho. Não devemos incitar elementos opositores, nem provocar represália ou vingança. O ponto culminante chegará bem depressa. Ele já está se aproximando como o ladrão de noite. E podemos proferir verdades bíblicas que não suscitem influências opositoras.  Manuscrito 90, 1893.

Nenhum comentário:

Postar um comentário